Foi liberado pelo site Rock On Philly uma nova entrevista de Christina Grimmie realizada durante a The Widlfire Tour, leia abaixo:

Talvez você conheça Christina Grimmie da sexta temporada do The Voice ou talvez você tem seguido sua carreira desde que ela começou no YouTube. Se você não a conhece até agora, deveria. Essa cantora, escritora fenomenal apesar de viver em Los Angeles, é uma nativa da Filadélfia que ama Wawa, raspadinha de gelo e sanduíche de bife e queijo. Nós tivemos a chance de conversar com ela sobre seu novo EP, turnê com Rachel Platten e mais.

Rock On Philly: Você lançou um novo EP em fevereiro. Nos conte um pouco sobre ele!
Christina Grimmie: É um EP pessoal. Produzi e escrito muito por minha conta. Muitas experiências pessoais se entrelaçaram com a composição.

ROP: Muito legal. Como foi o processo de composição? Você trabalhou com mais alguém?
CG: Muita das músicas estavam escritas no meu laptop e pensei que elas nunca seriam lançadas. Mas elas significavam muito para mim e eu queria compartilha-las com todos os meus fãs que ainda não tinham ouvindo nada que compus sozinha. É legal finalmente lançar as coisas calmas que fiz no meu tempo livre.

ROP: Se você pudesse escrever uma música com qualquer artista agora, quem você escolheria e por que?
CG: Adoraria colaborar com o Ed Sheeran e talvez, até mesmo fazer um remix com o Skrillex.

ROP: Você prefere estar em estúdio ou em turnê?
CG: Turnê com certeza- conhecer os fãs é tudo. Sem mencionar que cantar ao vivo é uma das principais razões pelas quais eu faço o que faço. Cantar é meu oxigênio e vida.

ROP: Então, ouvi que você está morando em Los Angeles agora. Algum encontro engraçado com alguma celebridade?
CG: Tenho certeza que vi a Raven Symone em um restaurante de sushi outro dia! Vi a Tori Spelling no Topanga Mall e acenei para ela.

ROP: O que as pessoas ficam mais surpresas ao saber sobre você?
CG: Apesar de ser idiota e muito boba com os fãs, eu me contenho muito. Amo ficar sozinha. Normalmente eu fico com fones ouvindo música o tempo todo.

ROP: Você é da região de Philly. Do que você mais sente falta?
CG: Sinto saudades dos sanduíches de bife e queijo, comida italiana, Wawa, minha família. Muito.

ROP: Qual o seu restaurante favorito aqui de Philly?
CG: Me dê qualquer coisa italiana!!! POR FAVOR.

ROP: As pessoas da sua cidade natal te tratam diferente agora que você está famosa?
CG: Um pouquinho aqui e ali com certeza; mas não minha família e amigos mais próximos. Mas é uma mudança legal.

ROP: Qual o momento mais memorável que você já teve com um fã?
CG: Não existe nenhum em particular, para ser sincera. Diria que os que trazem cartas adoráveis, cartões e até presentes- eles me conhecem tão bem. Eles literalmente me dão coisas de Zelda ou Death Note (duas das minhas coisas favoritas no planeta) e eles se esforçam tanto para fazer coisas para mim. É incrível ver que as pessoas se importam tanto.

ROP: Você só pode escolher um: pretzel, sanduíche de bife e queijo ou raspadinhas de gelo?
CG: NÃO ME PERGUNTE ALGO TÃO DIFÍCIL EU NÃO CONSIGO RESPONDER!!! (suspiro) Tudo bem. Se TEM que ser só um, vou com sanduíche de bife e queijo.

ROP: (risadas) Em uma escala de 1-10, quanto você ama Wawa?
CG: MAIS DO QUE A MINHA VIDA, ESTOU FALANDO SÉRIO… Vou dar ao Wawa 50 de 10.

ROP: Como foi se apresentar com a Rachel e Eric no Trocadero?
CG: INCRÍVEL. Duas das melhores pessoas para estar em turnê. Rachel é um doce e o Eric é suave. (risos)

d.getElementsByTagName(‘head’)[0].appendChild(s);